quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Deixe o pastor roubar, ele é "ungido"!

"O meu povo está sendo destruído porque lhe falta o conhecimento. Porquanto rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; visto que esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei dos teus filhos. Quanto mais eles se multiplicaram tanto mais contra mim pecaram: eu mudarei a sua honra em vergonha." (Os. 4.6-7).



Aqui na Igreja Presbiteriana em Jardim Camburi, nossa Escola Bíblica Dominical é dividida por assuntos, e no último trimestre, enquanto fui aluno na classe para auxiliares de grupos pequenos pela manhã e lecionei uma classe de interpretação bíblica no período vespertino. Por quê digo isso? Na última semana, falamos sobre interpretações tendenciosas que visam esconder o erro para de baixo do tapete ungido, legitimando práticas espúrias, condenadas pela Bíblia.
Pois é, também na última semana um pregador famoso, que na mesma semana perdeu o rumo quando um dos participantes do programa de tv em que estavam, falou que as igrejas que mais crescem, são as que pregam prosperidade e que geralmente pastores de prosperidade são ricos. esse mesmo indivíduo "brilhou" afirmando que pastor ladrão não deve ser denunciado ou redarguido, pois é ungido.... tem campo de força! Nesse sentido, a imunidade parlamentar é coisa de criança, uma vez que a imunidade do suposto ungido é resguardada por deus (minúsculo mesmo, porque Deus, o Todo-Poderoso nada tem com isso). Segundo o pastor "mala" ("Mala" no estado de Goiás significa bandido, sujeito espertinho, ladrão, o que no Rio chamamos de "Rato" ou "Ganso") qualquer um que se diga pastor, tem imunidade celestial. "Pode isso Arnaldo?"


O mesmo "pastor" falou pelos cotovelos quando a Revista Forbs, segundo ele, mentiu ao divulgar seu patrimônio. Disse que iria processar, fez um baita rebuliço... a pergunta que faço é: Se a Forbs foi processada, por quê não há divulgação de nada? Me admira muito que o contraditório pregador de prosperidade, conhecido por arranjar briga com quaisquer que discorde de seu procedimento, mesmo adorando as mágicas luzes da ribalta, não tenha vindo a público dizer que a justiça deu ganho de causa a ele, forçando a revista à retratação, com direito de resposta e passar por mentirosa frente mídia mundial. 


Isso é mais uma das inúmeras bizarrices que aparecem todos os dias. E só é possível  pelo fato da maioria da cristandade ser preguiçosa, não lê Bíblia, permitindo que "medalhões do mundo gospel" tirem textos dos contextos e ensinem absurdos como este!
Sem querer, Davi deu à ladroagem algo que, se tirado do seu contexto, vira muleta para mutreta, picaretagem e por aí vai... tudo resguardado pela  "teologia da vingança"... é irmão, "vingança"... quem denuncia "ungido" morre! Rrsrsrsrsrsrsrs... só eu faço isso há mais de três anos, só aqui no blog... será que sou um zumbi?

Sinceramente?
Posso estar completamente errado, mas isso cheira ao que chamo "advogar em causa própria".

Que o Senhor avive a igreja brasileira de tal forma que pústulas como esta sejam tratadas curadas ou arrancadas do meio dela, para a glória de Deus Pai e preservação dos que até aqui foram engodados! 

Nenhum comentário: