segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

O Protestantismo é soberbo e os crentes são otários"

OTÁRIO: adj. e s.m. Bras. Gír.  Que ou o que se deixa enganar facilmente; ingênuo, simplório, bobo.
Guardem a definição, será de suma importância na conclusão.

É meus irmãos, prometi não entrar em polêmicas, mas não posso ver tão grande adulteração da Palavra de Deus e permanecer calado. Não farei nada diferente de defender a Bíblia. Você pode me questionar... Pr. Max, ele falou da nossa fé, você não vai dizer nada? Não meu irmão, não direi nada, precisamos entender que cegueira espiritual é uma doença causada pela falta de discernimento, que por sua vez é causada pela ausência do Espírito Santo. Oremos para que Deus tenha misericórdia desse pobre homem. Mas uma coisa é certa, vou bater firme na "EXEGEGUE" do tio, que nada mais faz, a não ser defender o que a Bíblia não diz. Veja o vídeo... comentarei em seguida:


*A historinha começa com uma apologia de Maria, insinuando que tenha algum poder intercessório. Detalhe, sem qualquer apoio bíblico, apenas baseado na tradição papal. Se você não notou, nas palavras de senhor à cima, não é o Espírito Santo que move no cristão para que esse faça o que Deus quer, mas é Maria!
*Em seguida, o batinado em questão afirma ser orgulhoso quem afirma não precisar da "medianeira" e cita o  princípio protestante como tal.  

*Mostrando que não há a menor possibilidade de arrependimento ou de retorno da Igreja de Roma ao princípio bíblico e demonstrando o "legitimo cristianismo bíblico", chama os protestantes de otários, isso mesmo, O-TÁ-RIOS. Chupa essa manga meu irmão. E sabe por quê, segundo ele você é um otário?

Porque segundo ele você baba e bufa quando cita  1 Timóteo 2:5,6: "Porquanto há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem, o qual a si mesmo se deu em resgate por todos: testemunho que se deve prestar em tempos oportunos."

*Aqui é que começa o maior show de prostituição bíblica dos últimos tempos, maior até do que as promovidas pelos profetas e apóstolos da prosperidade. Ele foi capaz de omitir a palavra "HOMEM" que está logo após a vírgula. Isso mostra o quanto ele confia na ignorância dos seus ouvintes que agem passivamente a sua manipulação do Texto Sagrado; confia tanto que não haverá investigação, afinal, qualquer católico que pela graça de Deus agir como bereano e conferir a procedência do que dizem seus líderes e sua igreja, naturalmente os deixará. 
Voltemos ao texto: Ele diz: "...um só mediador... Cristo Jesus, homem, o qual a si mesmo se deu em resgate por todos..."
Não se faz necessário recorrer a qualquer comentário bíblico para notar que a ordem das palavras mostram um objetivo específico do texto, tira qualquer dúvida acerca do MEDIADOR.
Todos os que possuem conhecimento bíblico mínimo estão cientes de que CRISTO quer dizer "UNGIDO" ou "MESSIAS". São palavras utilizadas para ratificar o caráter singular de Jesus, aponta para a profecia do protoevangelho em Gn. 3.15, onde um nascido de mulher, O PROMETIDO, O MESSIAS, O UNGIDO,  esmagaria  a cabeça da serpente. Sabemos que Jesus esmagou a cabeça da serpente (diabo) quando, após suas vida terrena sem pecado, assume o nosso lugar de pecador, recebe sobre si todo o pecado da humanidade, morre, apagando o escrito de dívida que havia contra nós e ressuscitando ao terceiro dia.
O texto distorcido pelo clérigo deixa claro que O MEDIADOR se entregou em resgate da igreja. É nesse ponto que a inteligência mínima atua (srsrsr). Vejamos: Se o Texto afirma que a igreja precisou de um mediador é justamente porque não há nela qualquer possibilidade de mediação. Será que é tão difícil entender isso? Se recorro a Deus diretamente é porque a Bíblia assim ensina. Além do mais, entendo que recorrer a um pecador semelhante a mim, é como ter fome e pedir comida a quem está morrendo de inanição, tão faminto quanto eu. Maria sabia que não se salvaria sozinha ou recorrendo a qualquer outro diferente do MESSIAS. Por isso ela o chama de seu SALVADOR (ver Lc. 1. 46-56). Se la entendia dar a luz ao SALVADOR de sua alma, entendia também que era, como todos nós, exceto Jesus, miseravelmente pecadora. Se não fosse assim, não necessitaria ser salva, ela mesma resolveria a questão.
A outra palavra que aponta claramente para a pessoa de Jesus e não para a igreja como mediadora entre nós e Deus é "HOMEM". Na minha humilde opinião, opa, humilde não, o tio aí falou e eu corrijo, na minha arrogante e soberba opinião, aqui está a cereja do bolo. O apostolo Paulo se referiu a Jesus HOMEM, pessoa de Cristo e não ao corpo místico de Cristo a Igreja. 
Mais uma vez Roma apela para os velhos e conhecidos contos de velhas caducas dos quais Paulo afirma: "Mas rejeitas as fábulas profanas e de velhas caducas. Exercita-te a ti mesmo na piedade."
 (1 Tm 4:6-7)

Termino implorando não só ao lacaio de Roma, mas a todos os visitantes desse blog, LEIAM A BÍBLIA!
O povo vitimado de PERSEGUIÇÃO não é bem o ROMANO.
Enquanto lutamos pela verdade bíblica, nos deparamos com a "religião humilde" que, sendo "dona da verdade", cirurgicamente retira da Bíblia o que os reprova.


OTÁRIO: adj. e s.m. Bras. Gír.  Que ou o que se deixa enganar facilmente; ingênuo, simplório, bobo.
Guardem a definição, será de suma importância na conclusão.

QUEM É OTÁRIO MESMO?

Perguntinha de reflexão:
Como pode não ser orgulhosa uma religião que rebaixa a Bíblia, fazendo-a subserviente da tradição ROMANA, como pode ser humilde uma confissão de fé que quando se vê confrontada pela Palavra de Deus, pula no mato, inventa uma interpretação segundo o santo umbigo do VATICANO? 

"O meu povo peca por falta de conhecimento"
(Os. 4.6)

4 comentários:

Anônimo disse...

Falou tudo e mais um pouco.

Parabens.

Marcos Ribeiro

Anônimo disse...

Quando a igreja humilde que o tio diz pertencem glorifica o nome de homens, os orgulhos protestantes, dão toda a honra e glória das obras que o Espirito Santo realiza através das vidas humanas, a Ele que é o ÚNICO digno de recebê-las.

Os orgulhos que só enxergam a cabeça da igreja, enxergam que a obra de Jesus na cruz e a sua vida santa é maior que qualquer comportamento puro e correto de alguém.

Jesus é o ÚNICO mediador, sua morte nos deu livre acesso ao Pai e a Sua Lei, não há mais separação entre o homem e Deus, o véu se rasgou.

Opniões cheia de achismo e preconceitos, sem bases biblías e até mesmo de coerencia, proque o tio se contradiz muitas vezes ao logo do vídeo. Lamentavel.

Anônimo disse...

Malafaia chamou de trouxa que não prega teologia da prosperidade.
Malafaia chamou de idiota quem dá sem pedir nada em troca.
Macedo chamou de endemoniados os cantores Gospel.
Macedo chamou de ladrão que não dá o dízimo.

Onde estavam os indignados evangélicos quanto tudo isto se passou ?

Ouvi muita gente dizendo: "Não toca no ungido do Senhor."

Macedo prega o aborto. Nós católicos rejeitamos tal doutrina.
Malafaia prega a prosperidade. Nós católicos rejeitamos tal doutrina.
Soares diz que ajudar os pobres desvia recursos da igreja. Nós católicos rejeitamos tal doutrina.
Valdemiro diz que Jesus não é DEUS. Nós católicos rejeitamos tal doutrina.

A igreja católica ensina no seu catecismo que Jesus Cristo é o único mediador e não há em nenhum outro nome salvação. Tem 2000 anos que ela ensina isto. Quem não leu o catecismo da Igreja Católica e imaginou que Maria era mediadora é no mínimo ingênuo.

Tem ainda as unções do chulé, do chifre, do zoológico, da vaca, da lama. Todas estas doutrinas nós católicos rejeitamos.

Seríamos otários por acreditarmos em um catecismo que diz que Jesus Cristo é o único mediador e não há salvação em nenhum outro nome ?

Seríamos otários por rejeitarmos as doutrinas protestantes dos "grandes" mestres"

Estou curioso para saber o que fizeram os evangélicos quando seus líderes lhes chamaram de trouxas, idiotas, ladrões e endemoniados.

Onde ficou a vossa indignação ?

Anônimo disse...

nota 10